Hipertensão antes dos 40 eleva risco de AVC

Natali Chiconi - 8 de novembro de 2018 - 09:02
Hipertensão antes dos 40 eleva risco de AVC
Pesquisa aponta que condição pode levar a derrame, doença coronariana e insuficiência cardíaca

(CCM SAÚDE) — O diagnóstico de hipertensão é, por si só, algo preocupante. Entretanto, quando feito antes dos 40 anos, eleva o risco de derrame, doença coronariana e outras condições.


A conclusão foi obtida após um estudo com 4.851 voluntários, avaliados pela Universidade de Duke, nos Estados Unidos, durante quase 20 anos. Segundo a pesquisa, a pressão alta em adultos jovens eleva o risco de surgirem problemas como insuficiência cardíaca, derrame e doença coronariana fatal.

Divulgado no ‘Journal of the American Medical Association (Jama)’, o estudo alerta para a necessidade de adotar medidas preventivas e controlar a doença mais do que nunca.

“Embora seja um estudo observacional, ele demonstra que as novas diretrizes de pressão arterial são úteis para identificar aqueles que podem estar em risco de eventos cardiovasculares”, diz Yuichiro Yano, um dos autores do artigo e professor-assistente no Departamento de Medicina Comunitária e Familiar da Universidade de Duke.

De acordo com as referências da Associação Americana do Coração, um resultado de pressão que aponte 13X8 já é considerado como o estágio 1 da doença. “Entre os adultos jovens, aqueles com pressão arterial elevada, hipertensão estágio 1 e hipertensão estágio 2 antes dos 40 anos (…) apresentaram risco significativamente maior de eventos cardiovasculares subsequentes”, explica Yano.

No Brasil, as taxas de hipertensão também preocupam. Segundo dados do Ministério da Saúde, 10% das pessoas com idade entre 25 e 34 anos têm o diagnóstico da doença. Na faixa dos 35 aos 44 anos, o índice sobe para 19%.

Entre as medidas recomendadas para evitar que a hipertensão se instale e traga problemas a adultos jovens, especialistas recomendam fazer exames periódicos de pressão arterial, praticar exercícios físicos regulares e evitar o excesso de peso.

Foto: © Katarzyna Białasiewicz - 123RF.com