Brasil perde selo de país livre do sarampo

Brasil perde selo de país livre do sarampo
Caso confirmado pelo Ministério da Saúde nesta terça (19) marca um ano de transmissão da doença no país.

(CCM Saúde) — O Ministério da Saúde confirmou nesta terça-feira (19) que o Brasil perderá o certificado de país livre do sarampo concedido pela OPAS em 2016.

A certificação é retirada dos países em que se confirma a transmissão interna de uma doença por 12 meses. O primeiro caso endógeno de sarampo no Brasil ocorreu em 19 de fevereiro do ano passado e, na terça, o órgão federal confirmou a ocorrência de um caso em 23 de fevereiro deste ano, no Pará.

Desde o início do surto da doença, o Brasil registrou 10.374 casos, concentrados especialmente no Pará, Amazonas e Roraima. Destes, 28 foram confirmados como transmissão endógena e 20 como casos importados da Venezuela, que também sofre com surto da doença.

Para recuperar o certificado, o ministério anunciou que implementará uma série de medidas em prol do aumento da cobertura vacinal contra a doença, que deve estar na casa dos 95%. Entre elas, está um projeto de lei a ser enviado à Câmara dos Deputados que exige atestado de vacinação para ingresso em escolas públicas e no serviço militar.

Foto: © Rarin Lee - Shutterstock.com

Veja também