Cientistas criam primeiro coração com impressão 3D

Pedro Muxfeldt - 22 de abril de 2019 - 11:22
Cientistas criam primeiro coração com impressão 3D
Órgão criado artificialmente possui todas as propriedades do coração original do paciente.

(CCM Saúde) — Cientistas da Universidade de Tel Aviv, em Israel, conseguiram criar o primeiro coração artificial utilizando tecnologia de impressão 3D.

Até o momento, apenas tecidos simples sem vasos sanguíneos haviam sido produzidos com base nessa técnica inovadora e que vem abrindo novas possibilidades para a medicina regenerativa. Os resultados foram publicados na revista Advanced Science.

O coração artificial ainda não pode ser transplantado para seres humanos, uma vez que seu tamanho é reduzido, similar ao coração de um coelho. No entanto, o órgão foi criado a partir de células humanas e material biológico de um paciente acompanhado pelo estudo.

Segundo Tal Dvir, um dos autores da pesquisa, o órgão possui as mesmas propriedades imunológicas, celulares, bioquímicas e anatômicas de um coração humano. "Essa é a primeira vez que alguém projetou e imprimiu com sucesso um coração inteiro repleto de células, vasos, ventrículos e átrios", afirma o cientista.

Os próximos passos do grupo de pesquisadores é conseguir produzir corações maiores e realizar transplantes em animais para testar a segurança do órgão artificial. A expectativa dos cientistas é de que a inovação esteja disponível para uso em humanos em cerca de 10 anos.

Foto: © Dmytro Tolokonov - 123RF.com