Anorexia também é causada por DNA, diz estudo

Natali Chiconi - 19 de julho de 2019 - 15:12
Anorexia também é causada por DNA, diz estudo
Descoberta, feita por cientistas britânicos, pode mudar a forma como a doença é vista.

(CCM Saúde) — A anorexia, transtorno alimentar visto como doença psiquiátrica, pode ser fruto de alterações no DNA das pessoas, segundo estudo da King's College, em Londres.

A descoberta aponta que essas alterações afetam a forma como as pessoas processam gorduras e açúcares, podendo dar ao corpo a capacidade de suportar a privação de alimentos.

A anorexia combina quadros de vômito forçado após as refeições com o paciente tendo uma autoimagem distorcida, vendo-se acima do peso mesmo quando se encontra com magreza extrema. A longo prazo, a doença pode causar danos aos músculos, ossos, coração e atrapalhar a fertilidade. Há casos em que a anorexia leva à morte.

No estudo, conduzido em Londres, foram analisadas quase 17 mil pessoas com anorexia e 56 sem a doença, de 17 países. Depois de rastrearem o DNA dessas pessoas em busca de mutações genéticas, os pesquisadores constataram que muitos desses indivíduos com anorexia tinham mutações relacionadas a transtorno obsessivo-compulsivo, ansiedade e esquizofrenia.

Publicado na revista ‘Nature Genetics’, o estudo também confirmou mutações nas instruções que controlam o metabolismo, especialmente as que envolvem os níveis de açúcar no sangue e a gordura corporal. "Há algo nesses sistemas que deu errado", diz Janet Treasure, do Instituto de Psiquiatria do King's College, à ‘BBC’. Segundo os pesquisadores, a anorexia tem origens tanto na mente quanto no corpo.

"Houve oscilações em nosso entendimento. Agora, sabemos que trata-se de uma mistura complexa de aspectos do corpo e da mente que interagem e causam esse transtorno complexo”, completam os pesquisadores. Com a descoberta, acredita-se que será mais fácil tratar a doença e convencer os pacientes a aderirem ao tratamento.

Foto: © VGstockstudio - Shutterstock.com