Dilatação da pupila

Novembro 2017


Definição

a dilatação da pupila, chamada de midríase, se manifesta pelo aumento patológico do diâmetro da pupila, pequeno ponto preto no centro do olho. A pupila é o orifício pelo qual a luz penetra. Dois músculos a controlam: o dilatador, que como seu nome indica, dilata, e o esfíncter que a contrai. É a paralisia do esfíncter que provoca uma midríase ou fenômenos de espasmos do dilatador. Essa dilatação patológica da pupila pode afetar apenas um olho ou ambos. Esse fenômeno pode ser provocado pela tomada de alguns medicamentos, como a atropina e algumas gotas para os olhos chamadas de colírios midriáticos (utilizados para facilitar um exame oftalmológico) ou ainda em algumas patologias neurológicas. Existe enquanto isso uma dilatação normal da pupila em reação a uma luminosidade pouco importante para captar o maior número de raios luminosos possíveis e aumentar as capacidades de visão na penumbra.

Manifestações

a midríase se manifesta clinicamente pela dilatação de uma ou das duas pupilas.

Diagnóstico

em função do problema em um ou ambos os olhos, os diagnósticos suspeitados serão diferentes. Uma midríase bilateral com pouca reação à luz (constrição) em um contexto de transtornos de comportamento ou até coma fará evocar um sofrimento cerebral grave. Isso se vê em casos de parada cardiorrespiratória, mas igualmente no caso de intoxicações a drogas como a cocaína ou a medicamentos como os antidepressivos ou atropina. Um cuidado em urgência é indispensável em casos de transtornos do comportamento ou do coma. Um problema unilateral é geralmente a favor de uma causa oftalmológica como uma paralisia do esfíncter: um exame oftalmológico será realizado.

Tratamento

o tratamento varia em função das causas da dilatação da pupila. O tratamento da causa permite geralmente um retorno ao normal.

Prevenção

O único caso de dilatação que é possível prevenir é o causado por medicamentos. Neste caso, é indispensável ler bem a bula dos medicamentos para conhecer os efeitos colaterais.

Veja também

Publicado por asevere. Última modificação: 16 de dezembro de 2014 às 14:48 por asevere.
Este documento, intitulado 'Dilatação da pupila', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.