Sistema imunológico

Faça uma pergunta

Definição

o sistema imunológico permite proteger o organismo contra corpos estranhos: bactérias e vírus não agindo sobre as células do organismo que ele reconhece como parte de si. No quadro de uma doença autoimune, os mecanismos de tolerância são falhos, e anticorpos vão atacar as próprias células do organismo: os chamamos de auto-anticorpos, que vão causar uma patologia autoimune. As causas não são totalmente identificadas no início deste tipo de doença, mas uma participação genética além de fatores hormonais e atribuídos ao ambiente (infecções, toxinas de algumas moléculas...) parecem desempenhar um papel. As doenças autoimunes possuem uma evolução por ataques sucessivos, imprevisíveis, e elas podem se localizar em um único órgão, ou afetar o conjunto do organismo. Com relação aos mecanismos compartilhados no seu surgimento, ocorre diversas vezes que diversas doenças autoimunes sejam associadas em uma mesma pessoa.

Manifestações

as manifestações serão diferentes de acordo com as doenças e os órgãos afetados. Entre as doenças autoimunes sistemáticas, ou seja, não afetando especificamente um órgão, encontramos:
  • O lúpus eritematoso disseminado;
  • A poliartrite reumatoide;
  • A síndrome de Gougerot- Sjögren;
  • A esclerodermia;
  • ...

Entre as doenças autoimunes afetando apenas um órgão especificamente:
  • A diabetes insulinodependente, ou DID, ou diabetes de tipo 1;
  • As tiroidites autoimunes, como a doença de Basedow ou a tireoide de Hashimoto;
  • A doença de Addison;
  • A miastenia;
  • A doença de Crohn e a retocolite hemorrágica;
  • A doença celíaca;
  • A anemia de Biermer;
  • As hepatites autoimunes;
  • ...

Diagnóstico

o diagnóstico é feito após um exame clínico e com o interrogatório do paciente para descobrir os sintomas e se orientar para uma patologia. Exames complementares serão igualmente prescritos, variáveis em função das patologias encontradas, principalmente as doenças autoimunes específicas do órgão. O ponto comum é a possibilidade de encontrar, em uma amostra sanguínea, auto-anticorpos específicos de uma doença, como os anti-tiroperoxidase nas tiroidites, os anti-receptores de acetilcolina na miastenia, ou os anticorpos anti-insulina na diabetes, ou auto-anticorpos não específicos que sinalizam a presença de uma patologia autoimune, e agrupadas com os sintomas, permitirão um diagnóstico.

Tratamento

o tratamento vai igualmente variar de acordo com as doenças. De uma maneira geral, os corticoides ou os imunossupressores são utilizados durante longos períodos para diminuir a imunidade nas doenças autoimunes não específicas do órgão. Eles devem enquanto isso ser administrados sob acompanhamento biológico e com precaução para não deixar o organismo sem defesa. Nas patologias autoimunes específicas do órgão, tratamentos adaptados ao órgão são possíveis, como a insulina na diabetes, os hormônios tireoidianos nas tiroidites...
Dra. Marta Marnet

CCM Saúde é uma publicação informativa realizada por uma equipe de especialistas de saúde e redatores supervisionados pela Dra. Marta Marnet (número de registro 19741 no Colégio de Médicos de Barcelona, Espanha).

Mais informações sobre a equipe do CCM Saúde

Publicado por asevere. Última modificação: 16 de dezembro de 2014 às 14:48 por asevere.

Este documento, intitulado 'Sistema imunológico', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.