Agnosia: causas sintomas e diagnóstico

Faça uma pergunta
A agnosia é um transtorno neurológico de reconhecimento. O paciente com esta condição rara é incapaz de reconhecer um objeto ou pessoas apesar de manter seus sentidos intactos. Conheça mais sobre a agnosia neste artigo.


Definição de agnosia

A agnosia é um transtorno que se traduz pela deficiência do reconhecimento. Uma pessoa com agnosia não reconhece objetos ou é incapaz de nomeá-los. Afetando geralmente um único sentido, a agnosia pode ser visual, auditiva (a pessoa ouve mas não reconhece o som) ou espacial. Em casos muito raros, a agnosia pode se dar em dois ou três sentidos.

Causas da agnosia

Diversos fatores podem causar agnosia, mas a principal causa desta condição é uma sequela de um acidente vascular cerebral. Além disso, também podem provocar agnosia uma infecção, tumor, problema vascular, quadro de demência como mal de Alzheimer ou patologia psiquiátrica grave.

Sintomas de agnosia

A agnosia pode se apresentar em três tipos, que possuem, portanto, sintomas distintos. Nas agnosias visuais, o paciente não reconhece formas geométricas dos objetos ou não faz a ligação entre um objeto observados e as informações armazenadas na memória a respeito do mesmo e se torna incapaz de nomeá-lo. Na agnosia espacial, o paciente não consegue encontrar um objeto no espaço. Por fim, na agnosia auditiva, o paciente se vê impossibilitado de compreender o que lhe é dito ou o significado dos sons que ouve.

Diagnóstico da agnosia

O diagnóstico da agnosia em geral é bastante fácil. Para tanto, o médico realiza testes ambulatoriais com o paciente pedindo - nos casos de agnosia visual, por exemplo - para que ele nomeie os objetos que estão em seu entorno. Em alguns casos, testes psiquiátricos mais elaborados podem ser realizados. Identificada a agnosia, outros exames tentarão apontar a causa do problema, o que pode ser difícil em quadros que não sejam motivados por sequelas de AVC.

Tratamento da agnosia

O tratamento depende da causa original da agnosia. Diferentes exercícios de reeducação e psicoterapia podem ser utilizados, mas os métodos não são ainda muito bem definidos, especialmente por se tratar de uma condição neurológica bastante rara. Hoje em dia não existe tratamento específico para a agnosia.

Foto: © Petr Kugan - 123RF.com