Câncer secundário do fígado - Definição

Abril 2018


Definição de câncer secundário do fígado

O câncer secundário do fígado ocorre em função da migração de metástases de um câncer primitivo no fígado. É o câncer maligno de fígado mais comum. Geralmente, as metástases vêm de um câncer do aparelho digestivo, mas às vezes também do rim, pulmão ou mamas. Os primeiros sintomas são dores hepáticas, icterícia e degradação geral do estado de saúde do paciente. A descoberta do câncer secundário do fígado pode ser feita por acaso com uma ecografia feita por algum outro motivo ou diante de perturbações na avaliação sanguínea hepática. A identificação do tumor primitivo é necessária para que este seja tratado junto às metástases do fígado.
Artigo original publicado por Jeff. Tradução feita por asevere. Última modificação: 20 de fevereiro de 2018 às 15:22 por Pedro.CCM.
Este documento, intitulado 'Câncer secundário do fígado - Definição', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.
Câncer generalizado - Definição
Candidíase - Definição