Xarelto: para que serve, como tomar e efeitos colaterais

Faça uma pergunta
Xarelto é o nome comercial de um medicamento cujo princípio ativo é a substância rivaroxabana. O produto é encontrado em comprimidos de 10, 15 ou 20 miligramas.


Para que serve (indicação)

Xarelto 10 mg é indicado para pacientes adultos submetidos a artroplastias de joelho ou quadril que possuem risco de desenvolver tromboembolsimo venoso. O objetivo do medicamento é evitar que a doença se instale.


Xarelto 15 e 20 mg é indicado para prevenir acidente vascular cerebral e embolia sistêmica em pacientes com fibrilação atrial e para tratamento e prevenção de quadros de trombose venosa profunda e embolia pulmonar.

Como tomar (posologia)

A dose recomendada de Xarelto 10 mg é de um comprimido por dia. A duração do tratamento vai depender do tipo de cirurgia realizada. Para intervenção no joelho, por exemplo, deve-se manter o uso do remédio por 2 semanas. Já cirurgias de quadril, exigem tratamento de 5 semanas.

O Xarelto 15 ou 20 mg tem dosagem determinada pela doença tratada. Para prevenção de AVC e embolia sistêmica, deve-se ingerir um comprimido de 20 mg todos os dias até que não hajam fatores de risco para as doenças. Já o tratamento de trombose venosa profunda e embolia pulmonar deve ser feito da seguinte maneira: 15 mg duas vezes ao dia durante três semanas e 20 mg diários até o fim do tratamento.

Atenção: o uso por conta própria de Xarelto é perigoso e não deve ser feito em hipótese alguma. Siga apenas as orientações médicas quanto ao modo de uso e duração do tratamento.

Efeitos colaterais

Os efeitos colaterais mais comuns do uso de Xarelto - nas duas versões - são anemia, náusea, vômito e diarreia, dores abdominais, sangramento nas gengivas, fadiga, febre, tontura, dor de cabeça, coceira e hipotensão (redução da pressão arterial).

Contraindicações

Xarelto - nas duas versões - é contraindicado para pessoas com alergia à rivaroxabana e outras substâncias presentes na fórmula do remédio, grávidas durante toda a gestação e lactantes. Pacientes com doença hepática associada a maior risco de sangramentos e insuficiência renal grave também não devem usar o Xarelto. Em caso de cirurgia, o uso do medicamento deve ser interrompido 24 horas antes do procedimento.

Composição

Um comprimido de Xarelto contém 10, 15 ou 20 miligramas de rivaroxabana mais excipientes (celulose microcristalina, croscarmelose sódica, hipromelose, lactose monoidratada, estearato de magnésio, laurilsulfato de sódio, óxido férrico vermelho, macrogol, dióxido de titânio).

Foto: © OLEKSANDR MARYNCHENKO - 123RF.com

Aciclovir: para que serve, como tomar e efeitos colaterais
Allegra: para que serve, como tomar e efeitos colaterais