Torsilax: para que serve, como tomar e efeitos colaterais

Faça uma pergunta
Torsilax é um nome comercial de um medicamento contra o reumatismo, também vendido em formato genérico ou sob o nome de Tondrilax. Ele pode ser encontrado em embalagens de 12 a 200 comprimidos.


Para que serve (indicação)

O Torsilax é um medicamento indicado para o tratamento de diferentes formas de reumatismo, conjunto de condições agudas ou crônicas que provocar dor articular, óssea ou muscular. Entre elas, estão lombalgia, crise aguda de gota e de artrite reumatoide, osteoartrites e inflamações agudas provocados após traumas ou realização de cirurgias.

Como tomar (posologia)

Tratamentos com Torsilax em geral exigem uso de um comprimido a cada 12 horas. A dose máxima, no entanto, é de três comprimidos diários, ou seja, um a cada oito horas. O uso de Torsilax não deve se prolongar por mais de 10 dias. Para tratamentos maiores, orientações ainda mais rigorosas devem ser observadas.


Atenção: a automedicação é uma prática perigosa e que não deve ser feita em nenhuma hipótese. A decisão sobre uso, dosagem e duração do tratamento com Torsilax é exclusiva do médico e deve ser seguida à risca pelo paciente.

Efeitos colaterais

A reação mais comum do uso de Torsilax é o aumento das enzimas do fígado. Também ocorrem com frequência efeitos colaterais como dor de cabeça, distúrbios do sono, náusea, diarreia e outras alterações gastrointestinais, dor abdominal, rinite, coceira, febre e anemia. Demais efeitos são enquadrados nas categorias das reações incomuns e raras.

Contraindicações

O uso de Torsilax é contraindicado para pacientes com alergia a qualquer uma das substâncias ou que estejam fazendo uso de outro medicamento à base de paracetamol. Há também uma série de outras interações medicamentosas que devem ser observadas. Por isso, informe ao seu médico qualquer remédio que esteja usando para que ele possa avaliar os riscos da prescrição.

O Torsilax também tem uso desaconselhado entre gestantes e lactantes (apesar de não haver estudos apontando efeitos da droga sobre o feto), hipertensos e portadores de insuficiência cardíaca, hepática ou renal. Crianças não devem usar Torsilax e seu uso em idosos deve ser cuidadoso, com ajuste da dosagem.

Composição

O Torsilax é composto por quatro substâncias: 50 miligramas de diclofenaco sódico, 300 mg de paracetamol, 125 mg de carisoprodol e 30 mg de cafeína mais excipientes (celulose microcristalina, amidoglicato de sódio, povidona, corante amarelo, croscarmelose sódica, dióxido de silício, estearato de magnésio).

Foto: © chingyunsong - Shutterstock.com
Dra. Marta Marnet

CCM Saúde é uma publicação informativa realizada por uma equipe de especialistas de saúde e redatores supervisionados pela Dra. Marta Marnet (número de registro 19741 no Colégio de Médicos de Barcelona, Espanha).

Mais informações sobre a equipe do CCM Saúde

Veja também