Ejaculação retardada

Faça uma pergunta

Definição

A ejaculação retardada está ligada a uma dificuldade de evacuação do esperma apesar de uma fase de excitação sexual. Ela é vivida como um problema real. O tempo necessário para expulsão do esperma é considerado muito longo pelo homem e pode causar um complexo ou até um sofrimento. Ela pode ser permanente ou transitória e se determina da maneira seguinte:
  • Ejaculação retardada primária ou permanente: ela se manifesta em qualquer circunstância;
  • Ejaculação retardada situacional ou transitória: encontrada unicamente em alguns situações bem precisas;

A razão mais comumente encontrada pelos especialistas é a preferencia para a masturbação sobre as relações sexuais com um parceiro. Ela ocorre em função de:
  • Idade;
  • Uma má formação;
  • Após uma cirurgia;
  • Uma doença genital ou geral;
  • Alguns medicamentos ou substâncias tóxicas.

Ela deve ser distinguida da anejaculação que pode ser de origem psíquica ou secundária a uma patologia ou uma intervenção cirúrgica como a ablação da próstata.

Manifestações

a ejaculação retardada pode se manifestar por:
  • Um pênis pouco receptivo à estimulação por um ou uma parceira;
  • Uma necessidade de concentração grande para chegar à excitação;
  • Uma ereção não durável;
  • Um número de vai-e-vem intra-vaginal julgado excessivo pelo homem.

Na maioria dos casos, a ejaculação não causa nenhuma dificuldade quando o homem se masturba na ausência de uma parceira.

Diagnóstico

No primeiro momento, causas orgânicas são procuradas durante um exame geral. Uma origem psicológica pode ser identificada durante o interrogatório do paciente. Um exame sexológico pode permitir uma análise da percepção de excitação durante uma relação sexual. Às vezes, um ultrassom pode ajudar a procurar uma disfunção do circuito ejaculatório.

Tratamento

um tratamento psico-sexológico do casal permite obter bons resultados, uma vez que as causas do problema são principalmente psicológicas. É portanto primordial determinar:
  • O problema de um nível de performance imposto pelo homem ou sua parceira;
  • Existência de conflitos ou sentimento de cólera em relação ao parceiro;
  • A qualidade de excitação durante toda a duração do ato sexual.

Prevenção

para limitar os fatores psicológicos que podem causar uma ejaculação retardada, é melhor evitar os conflitos do casal e favorecer a comunicação. Do outro lado, alguns fatores exteriores podem ajudar a reduzir os riscos de ausência de ejaculação, que são:
  • Abstinência de tabaco;
  • Abstinência alcoólica;
  • Boa higiene de vida.
Dra. Marta Marnet

CCM Saúde é uma publicação informativa realizada por uma equipe de especialistas de saúde e redatores supervisionados pela Dra. Marta Marnet (número de registro 19741 no Colégio de Médicos de Barcelona, Espanha).

Mais informações sobre a equipe do CCM Saúde

Veja também

Publicado por asevere. Última modificação: 16 de dezembro de 2014 às 14:48 por asevere.

Este documento, intitulado 'Ejaculação retardada', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.