Infecção hospitalar: o que é e como tratar

Faça uma pergunta
A infecção hospitalar, também chamada de infecção nosocomial, é aquela contraída durante a permanência do paciente em um estabelecimento de saúde, tal como hospital ou clínica. Ela pode ser transmitida por vírus ou bactérias.


Definição de infecção hospitalar

Uma infecção é considerada hospitalar quando não existia no paciente no momento de sua admissão, nem durante as primeiras 48 horas no estabelecimento.

Como a infecção hospitalar é contraída

Em geral, a infecção hospitalar surge quando há defesas imunológicas fragilizadas, propagação por contato cutâneo - diante do toque em uma região infectada, por exemplo -, ou transmissão cruzada entre doenças, ou seja, quando há transferência de microrganismos de uma pessoa (ou objeto) para outro indivíduo, resultando necessariamente em uma infecção. Uma infecção contraída até 30 dias após uma operação é considerada hospitalar.



Uma exceção vale para casos que envolvam a colocação de materiais estranhos, tais como próteses, válvula cardíaca ou estimulador cardíaco, que podem gerar uma infecção hospitalar até um ano após o procedimento.

Diagnóstico de infecção hospitalar

Em geral, grande parte das infecções hospitalares são as urinárias. Na sequência, surgem as pneumonias, septicemias e as infecções de feridas cirúrgicas. O diagnóstico consiste, portanto, em identificar a origem e o tipo de infecção por meio de um exame clínico e biológico dos sintomas.

Tratamento da infecção hospitalar

Como todos os sintomas divergem em função das bactérias presentes, o cuidado médico das infecções hospitalares varia de um paciente para o outro. Esses tratamentos, que geralmente visam a eliminar bactérias, são geralmente longos, já que estamos falando de germes resistentes na maioria dos casos.

Como prevenir as infecções hospitalares

As infecções hospitalares são motivo da adoção de diversos protocolos e medidas preventivas. Primeiramente, deve-se cuidar da higiene do estabelecimento, reforçando esse hábito com funcionários, que precisam higienizar as mãos, utilizar máscaras, fazer a desinfecção e esterilizar o maternal médico. Em caso de presença de bactérias contagiosas, o isolamento do local deve ser feito.

Foto: © Zaharia Bogdan Rares - Shutterstock.com
Dra. Marta Marnet

CCM Saúde é uma publicação informativa realizada por uma equipe de especialistas de saúde e redatores supervisionados pela Dra. Marta Marnet (número de registro 19741 no Colégio de Médicos de Barcelona, Espanha).

Mais informações sobre a equipe do CCM Saúde

Veja também