Cloro no sangue - Definição


Definição de cloro no sangue

O cloro é um elemento químico presente no organismo e a sua taxa no sangue é chamada de cloremia, variando, em geral, entre 95 e 107 mmol/l. Ele faz parte dos mecanismos de hidratação do organismo e da digestão. O cloro é consumido através da alimentação, especialmente no sal e em alimentos de origem animal e vegetal. A presença excessiva de cloro no sangue, chamada de hipercloremia, ocorre em casos de desidratação. Por outro lado, uma carência de cloro é chamada de hipocloremia e pode ser causada por insuficiência renal ou perdas digestivas. As variações da taxa de cloro no sangue são pouco frequentes, mas a sua causa deve ser descoberta e tratada.
Publicado por asevere. Última modificação: 1 de março de 2017 às 10:03 por Natali_CCM.
Este documento, intitulado 'Cloro no sangue - Definição', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.
Clamídia pneumática - Definição
Colecistectomia - Definição