Principais benefícios da cúrcuma

Faça uma pergunta
A cúrcuma, também conhecida como açafrão-da-terra, açafrão-da-índia ou tumérico, é uma planta medicinal cuja raiz é transformada em pó.


Benefícios da cúrcuma

Utilizada como especiaria na culinária, especialmente na Índia, a cúrcuma também tem finalidades medicinais e é amplamente usada para combater problemas gastrointestinais, febre, tratar resfriados, aliviar inflamações na pele ou ajudar na perda de peso e na redução do colesterol alto. Com nome científico de Curcuma longa, pode ser comprada em lojas de produtos naturais, farmácias e até em mercados.

Como usar

Em geral, a raiz da cúrcuma é a parte mais utilizada para tratar problemas de saúde, porém suas folhas também pode ser aproveitadas no preparo de alguns chás. A receita mais conhecido com cúrcuma é a seguinte: 1 colher de café de pó de cúrcuma em 150 ml de água fervente e manter de repouso por cerca de 10 a 15 minutos. Depois de morna, a infusão deve ser ingerida em até três xícaras no intervalo das refeições.

A curcumina, princípio ativo da cúrcuma, também já é usada em forma de gel ou pomada para tratar feridas na pele ou queimaduras. Para fazer o gel, basta misturar uma colher de sopa de babosa com pó de cúrcuma e aplicar na pele.

Cúrcuma em cápsula

Já existem no mercado cápsulas de cúrcuma, amplamente utilizadas para os mais diversos fins de saúde e que dispensam a necessidade de fazer infusões com o pó da planta. O recomendável, no entanto, é que a cúrcuma em cápsula seja indicada por um médico antes de ser ingerida. O máximo de cápsulas de cúrcuma que podem ser ingeridas por dia são cinco.

Contraindicações

A cúrcuma não deve ser utilizada por pacientes que façam uso de anticoagulantes ou que tenham obstrução das vias biliares devido a pedra na vesícula. Gestantes ou lactantes devem ingerir essa substância apenas sob orientação médica.

Foto: © kenishirotie - 123RF.com

Benefícios da alcachofra para a saúde
10 benefícios do mel para a saúde