Como proteger os cabelos do sol

Faça uma pergunta

A combinação climática que perdura em grande parte do Brasil durante o ano todo de sol, vento e, na praia ou na piscina, sal e cloro pode deixar seus cabelos com um aspecto ruim, quebradiço e sem brilho. Confira algumas dicas que devem ser adotadas para evitar que os fios fiquem mal tratados por conta da exposição ao sol.

Efeitos positivos do sol

O sol pode trazer alguns efeitos positivos para os cabelos, mas é preciso saber dosar quanto vamos nos expor aos seus raios. A exposição ao sol garante um reflexo natural e bonito, mais fácil de ser percebido para quem tem fios mais claros. O sol também ativa a circulação dos microvasos presentes no couro cabeludo e fixa o cálcio no cabelo, estimulando a produção de vitamina D.

Efeitos negativos do sol

Os raios infravermelhos do sol penetram na epiderme e modificam o pH do couro cabeludo, provocando caspas e outros distúrbios de pele na cabeça. O sal em excesso da água do mar também irrita o couro cabeludo e pode causar coceiras. Já o vento carrega areia e poeira deixando o cabelo opaco, bem como provoca nós em cabelos muito longos.

Proteção contra o sol

Antes de se banhar ou se expor ao sol, passe um protetor solar especial para os cabelos. Ele forma uma barreira protetora sobre os fios e o couro cabeludo da mesma maneira que age o filtro solar que passamos na pele. Depois que sair da água, tente lavar o cabelo em alguma ducha ou, quando isso não for possível, jogue um pouco de água mineral nos fios. Faça isso com o cabelo ainda molhado.


À noite, lavar o cabelo com shampoo é obrigatório, principalmente para quem tem cabelo longo. Duas vezes por semana, aplique um creme regenerativo, como óleo de argan ou manteiga de cacau. As substâncias presentes nesses cremes vão reparar o cabelo.

Foto: © subbotina anna - Shutterstock.com

Estresse no trabalho
Como retomar a prática esportiva