Diarreia

Faça uma pergunta

Definição

a diarreia é um transtorno do trânsito que se caracteriza por fezes moles, até líquidas, em quantidades anormalmente elevadas ou com uma frequência de surgimento aumentada, da ordem de diversas vezes por dia. A diarreia pode ser pontual, evoluindo sobre menos de 2 semanas, caso no qual falamos de diarreia aguda, ou crônica quando os sintomas duram durante mais de um mês. A diarreia não é uma doença mas sim o sintoma de outra patologia e pode se encontrar em diversas doenças. De acordo com o caráter aguda ou crônico, as causas são diferentes. A título não exaustivo, as diarreias agudas e infecciosas são as mais comuns. Entre elas, a gastro-enterite aguda de origem viral, as diarreias bacterianas causadas por salmonelas, com Shigella, Campylobacter, por exemplo, a diarreia causada por medicamentos, incluindo antibióticos, intoxicação alimentar ... Para as diarreias crônicas, ela pode ser encontrada mas causas medicamentosas, infecções parasitárias, doenças crônicas dos intestinos como a doença de Crohn ou a rectocolite hemorrágica, a doença celíaca, uma hipertireoide ou cânceres, principalmente afetando o cólon.

Manifestações

os sintomas da diarreia são os seguintes:
  • Fezes moles, até líquidas, em quantidade anormalmente elevada ou de surgimento anormalmente frequente.

Esse único critério permite definir a presença deste sintoma, mas não identifica a causa desse problema no intestino. São os outros sinais clínicos e o contexto que permitirão orientar o cuidador para uma causa suspeitada.

Diagnóstico

fazer o diagnóstico de um sintoma não é uma escolha difícil. É fazer o diagnóstico da causa desse sintoma que será mais complicado. Assim o médico deverá fazer um interrogatório preciso procurando:
  • As doenças antigas ou evolutivas do paciente;
  • A duração da evolução da diarreia e o contexto de surgimento;
  • O aspecto e frequência das fezes;
  • Os medicamentos tomados habitualmente e recentemente introduzidos ou interrompidos;
  • A noção de viagem recente e o local e as condições de vida;
  • Os alimentos recentemente consumidos;
  • A presença de sintomas identificados em uma pessoa próxima;
  • Os outros sintomas associados como febre, dores abdominais, náuseas e vômitos...


Se o diagnóstico não for evidente durante esse interrogatório, exames complementares orientados de acordo com as causas suspeitadas na sua emissão serão realizados:
  • Exame de sangue;
  • Análise e cultura de fezes com pesquisa de bactérias ou parasitas;
  • Radiografia do abdômen chamada ASP (para abdômen sem preparação");
  • Mais raramente e diante da persistência dos sintomas
Dra. Marta Marnet

CCM Saúde é uma publicação informativa realizada por uma equipe de especialistas de saúde e redatores supervisionados pela Dra. Marta Marnet (número de registro 19741 no Colégio de Médicos de Barcelona, Espanha).

Mais informações sobre a equipe do CCM Saúde

Veja também

Publicado por asevere. Última modificação: 16 de dezembro de 2014 às 14:48 por asevere.

Este documento, intitulado 'Diarreia', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.