Câncer do Timo


Definição

O timo é um órgão situado na base do pescoço, sob a tireoide e atrás do esterno. Esse órgão é o local onde algumas células fabricadas na medula óssea, tendo uma função na defesa do organismo, terminando a sua maturação: trata-se de linfócitos chamados de T, pois outros linfócitos, os B, chegam na sua maturação em outros órgãos. Esse órgão, muito ativo na pequena infância, diminui de tamanho desde o segundo ano de vida: falamos que ele involui. O timo pode ser o local do desenvolvimento de tumores podendo ser benignos, ou malignos, quando falamos de um câncer do timo. De acordo com o tipo de células que se desenvolvem de maneira anárquica, distinguimos diferentes tipos de cânceres do timo. Esses tumores são globalmente relativamente raros.

Manifestações

O câncer do timo pode evoluir durante anos sem jamais ser detectado. De fato, ele não causa geralmente nenhuma dor ou incômodo particular até atinja um volume importante. Apenas quando ele está suficientemente grande é que ele começará a comprimir os órgãos torácicos vizinhos e provocar um incômodo. De acordo com o órgão comprimido, podemos observar:
  • Uma disfagia, dificuldade de comer causada pela compressão do esôfago.
  • Uma dispneia, problema respiratório ligado á pressão sobre a traqueia;
  • Problemas de deglutição às vezes.

Dores na parte superior do tórax são igualmente possíveis.

Diagnóstico

o diagnostico do câncer do timo é geralmente feito por acaso durante um exame médico. É na maioria do tempo quando passamos por uma radiografia do tórax e dos pulmões que descobrimos que o timo está anormal. Se ele não for encontrado antes de atingir um volume importante, são os sinais respiratórios ou digestivos que alertam os médicos. Uma vez que o câncer seja diagnosticado, procuramos a localização com precisão do tumor e estudamos em detalhe para determinar seu tamanho e o vazamento possível para estruturas vizinhas graças a um scanner ou IRM principalmente. Habitualmente, em caso de suspeita de câncer, um exame de extensão é realizado com diferentes exames permitindo ver se os gânglios ou outros órgãos foram invadidos por células cancerígenas. A confirmação da natureza maligna do tumor será feita sobre a amostra depois de retirada cirúrgica se isso for decidido.

Tratamento

o tratamento do câncer do timo dependerá do estado de avanço do tumor e dos resultados do exame de extensão. A melhor opção é cirúrgica se o tumor não for muito avançado. Ele consiste simplesmente em retirar o tumor: falamos de exérese um timectomia. É às vezes necessário proceder a uma radioterapia. A quimioterapia é igualmente possível em formas avançadas.
Publicado por asevere. Última modificação: 24 de novembro de 2016 às 10:07 por Pedro.CCM.
Este documento, intitulado 'Câncer do Timo', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.
Câncer do testículo
Carótidas