Tuberculose: sintomas e tratamento

Abril 2018

A tuberculose é uma doença infecciosa do pulmão e suas membranas. É uma condição muito contagiosa e consequência direta de infecção pelo bacilo de Koch. Mais de 2 bilhões de pessoas estão contaminadas pelo bacilo em todo o mundo, o que equivale a um terço da população mundial. Porém, apenas uma em cada dez portadores desenvolvem a doença.


Transmissão da tuberculose

Condições de vida precárias, em locais apertados e sem saneamento básico, criam o ambiente ideal para a transmissão da tuberculose. Por conta disso, a doença afeta principalmente pessoas que vivem em áreas pobres, que dividem a casa com muita gente ou estejam no sistema carcerário.


A transmissão da tuberculose se dá principalmente pelo contato com ar e objetos contaminados pelo bacilo de Koch. Por isso, é importante evitar o contato aproximado e o compartilhamento de utensílios como talheres e copos com portadores da doença. Sem tratamento, um tuberculoso pode transmitir a doença para 10 a 15 pessoas em um ano.

Sintomas da tuberculose

Desde a aparição dos primeiros sintomas, deve-se consultar um médico rapidamente para que o tratamento seja iniciado. Os sintomas da tuberculose são facilmente reconhecíveis, tais como tosse com expulsão de muco e, às vezes, sangue, dor torácica e falta de ar. Além disso, podem ser observados episódios de febre, falta de apetite, sudorese excessiva e fadiga ao realizar esforço.

Diagnóstico da tuberculose

O diagnóstico da tuberculose é feito na maioria dos casos por meio de análise microscópica das expectorações. Já a detecção da fase que precede a tuberculose é possível por via cutânea (análise intradérmica para tuberculina) ou por sangue. Para grupos de risco - crianças, idosos e pessoas com baixa imunidade, o diagnóstico pode ser feito por exame bacteriológico ou raio-X de tórax.

Tratamento da tuberculose

Existe apenas um tratamento contra a tuberculose. Em média, o tratamento dura seis meses e exige o uso simultâneo de diversos antibióticos. Em caso de complicações como lesões pleurais, bronquiais e parenquimatosas ou para atuar contra antibióticos resistentes à medicação, é possível realizar uma intervenção cirúrgica. No Brasil, o tratamento da tuberculose é gratuito para toda a população pelo Sistema Único de Saúde (SUS). O tratamento não pode ser interrompido mesmo após o fim dos sintomas.

Tuberculose tem cura

A tuberculose tem cura e para curá-la é muito importante que o paciente realize o tratamento de maneira correta e até o final mesmo se os sintomas da doença desaparecerem antes.

Prevenção da tuberculose

A melhor forma de prevenir a tuberculose é com políticas públicas que melhorem as condições de vida da população. Moradias muito próximas, com circulação de ar deficiente são propícias para a transmissão da doença. De maneira individual, a vacina BCG, disponível no calendário de vacinação do Ministério da Saúde, é eficaz para impedir o contágio.

Foto: © Elena Kharichkina - Shutterstock.com
Publicado por Pedro.CCM. Última modificação: 2 de janeiro de 2018 às 12:05 por Pedro.CCM.
Este documento, intitulado 'Tuberculose: sintomas e tratamento', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.
Antibiograma
Labirintite: causas, diagnóstico e tratamento