Eritema nodoso: sintomas e tratamento

Faça uma pergunta

O eritema nodoso é uma manifestação dermatológica que forma um ou mais nódulos palpáveis, de coloração vermelha e mais quente que o restante do corpo. O eritema nodoso é um transtorno inflamatório que surge nas pernas e pés. O eritema nodoso é mais frequente em mulheres que homens.

Causas do eritema nodoso

Na metade dos casos de eritema nodoso, o problema tem causa desconhecida. Algumas das causas possíveis, por outro lado, são infecções (estreptococos, clamídia, hepatite B, leptospirose, mononucleose, sífilis, tuberculose, entre outras), gravidez, sensibilidade a antibióticos e contraceptivos orais. Além disso, o eritema nodoso se associa a condições como leucemia, linfoma, febre reumática, doença de Bechet e colite ulcerosa.

Sintomas do eritema nodoso

O eritema nodoso é mais comum nas extremidades inferiores, mas pode surgir nas mãos e braços. As lesões surgem planas, duras, dolorosas, avermelhadas e quentes e com cerca de uma polegada de diâmetro. Em alguns dias, a cor se torna mais púrpura e, após algumas semanas, o eritema já tem coloração marrom. Além dos nódulos, há sintomas como febre, mal-estar generalizado, dores articulares, inflamação e irritação da pele e inchaço da região afetada.

Diagnóstico do eritema nodoso

O diagnóstico do eritema nodoso pode ser feito por um médico apenas a partir da observação da pele. Exames como biópsia da lesão e raio-X de tórax confirmam o diagnóstico e descartam outras enfermidades.

Tratamento do eritema nodoso

O tratamento do eritema nodoso depende da identificação da causa do problema. É importante tratar uma possível infecção, interromper o uso do medicamento ou combater a doença subjacente que provoca o eritema. Com tratamento adequado, os nódulos desaparecem em até seis semanas.

Foto: © kletr - Shutterstock.com
Dra. Marta Marnet

CCM Saúde é uma publicação informativa realizada por uma equipe de especialistas de saúde e redatores supervisionados pela Dra. Marta Marnet (número de registro 19741 no Colégio de Médicos de Barcelona, Espanha).

Mais informações sobre a equipe do CCM Saúde

Veja também