Diverticulite: sintomas e tratamento

Dezembro 2017

Os divertículos são bolsas que se formam na mucosa do intestino delgado e mais raramente do esôfago. Geralmente benignos, eles podem ser responsáveis por complicações mais importantes. A mais comum delas é a diverticulite.


O que é diverticulite

A diverticulite é uma inflamação dos divertículos. A forma mais comum de diverticulite é a também chamada sigmoidite, que ocorre quando os divertículos estão concentrados na região do cólon. A diverticulite surge a partir do acúmulo de bactérias invasoras na área da parede intestinal afetada pelo divertículo.

Sintomas da diverticulite

A diverticulite é uma doença que tem como principais sintomas dor severa na região inferior do abdomên e febre geralmente moderada. A falta de tratamento no tempo adequado pode desencadear outros quadros, tais como formação de abscesso, rompimento da parede do cólon ou da cavidade peritoneal.

Fator de risco da diverticulite

O principal fator de risco para a formação de divertículos no intestino delgado e consequente surgimento da diverticulite é a idade. Enquanto a prevalência entre adultos na casa dos 40 anos é de 5%, ela sobe para 30% aos 60 anos e alcança 65% nos maiores de 80 anos.

Tratamento da diverticulite

O tratamento medicamentoso da diverticulite é baseado no uso de antibióticos por se tratar de uma doença provocada por bactérias. Os remédios normalmente são tomados por dez dias.

Dieta para diverticulite

Os antibióticos também devem ser combinados com adequação na dieta, ao menos durante o período de uso dos remédios. A dieta deve evitar a formação de resíduos, o que permite o descanso do intestino. Por conta disso, deve-se cortar o consumo de alimentos ricos em fibras como verduras, frutas, pão, leite e derivados e embutidos.

Alimentos permitidos na diverticulite

Por outro lado, os alimentos permitidos para a dieta de um paciente com diverticulite são carne, peixe, macarrão, arroz e outros cereais, produtos açucarados e biscoitos. Também é importante se alimentar em horários regulares e hidratar-se de maneira adequada.

Cirurgia para diverticulite

Em casos mais graves da doença, é indicada a realização de uma cirurgia. A intervenção consiste na ablação da porção do cólon afetado, o que impede a formação de um novo divertículo na área.

Diverticulite tem cura

A diverticulite tem cura. O tratamento antibiótico não garante a cura, mas a realização da cirurgia é capaz de impedir que novos divertículos se formem e, assim, não mais ocorrem inflamações.

Foto: © Tefi - Shutterstock.com
Artigo original publicado por Jeff. Tradução feita por Pedro.CCM. Última modificação: 27 de outubro de 2017 às 12:04 por Natali_CCM.
Este documento, intitulado 'Diverticulite: sintomas e tratamento', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.
Câncer de ovário - Sintomas e cura
Herpes zoster: sintomas, contágio e tratamento