Testosterona: para que serve e riscos

Janeiro 2018

A testosterona é um hormônio secretado tanto por homens quanto mulheres. No entanto, ele é fundamental para o sexo masculino pois é o responsável pelo desenvolvimentos dos tecidos reprodutores, além de atuar no desenvolvimento de caracteres sexuais como maior quantidade de pelos corporais e aumento da massa óssea.




Para que serve a testosterona

A testosterona é o hormônio sexual masculino e atua na formação dos testículos e da próstata. Além disso, garante o desenvolvimento de caracteres sexuais masculinos secundários. A testosterona também promove aumento da força física, do desejo sexual e pode servir para controlar os níveis de estresse já que sua concentração é inversamente proporcional ao cortisol, chamado de hormônio do estresse.

Testosterona natural

Todo homem saudável possui produção adequada de testosterona pelo organismo. Porém, alguns hábitos podem estimular a produção deste hormônio. Entre eles estão não fumar, consumir bebidas alcoólicas em quantidade moderada, ciclos de sono regulares e prolongados e alguns alimentos ricos em zinco (feijão, arroz integral, carnes, castanhas) e vegetais como repolho e rabanete.

Testosterona baixa

A queda nos níveis de testosterona no corpo humano pode provocar fadiga, distúrbios emocionais, perda de libido, disfunção erétil, menor produção de espermatozoides e risco aumentado de osteoporose. Em geral, a diminuição da taxa deste hormônio está associado com a idade, mas também pode se dar por conta de traumas na bolsa escrotal, tumores na hipófise e algumas condições congênitas. Por fim, essa queda pode estar associada a obesidade mórbida, infecção pelo HIV e uso de medicamentos.

Suplemento de testosterona

O uso de suplementação de testosterona deve ser feito única e exclusivamente no caso de disfunção que provoque uma redução acentuada da produção do hormônio. Essa terapia deve ser prescrita e acompanhada por um médico especialista.

Observação: não se deve utilizar suplementação de testosterona para aumento da força física e aceleração dos resultados da musculação. O uso de esteroides é perigoso e traz sérios efeitos colaterais e riscos para os usuários.

Efeitos colaterais da testosterona

O uso da testosterona para efeitos estéticos e/ou sexuais traz grandes riscos à saúde de homens e mulheres. Entre eles estão atrofia dos testículos, infertilidade, doenças cardíacas e hepáticas, aumento da retenção de líquidos no organismo e ginecomastia (aumento das mamas em homens). Entre as mulheres, que muitas vezes utilizam a suplementação hormonal para ganho de massa muscular, a testosterona pode desencadear o desenvolvimento de caracteres sexuais masculinos, tais como voz mais grossa e crescimento de pelos, além dos demais riscos à saúde.

Foto: © Ijupco - 123RF.com
Publicado por Pedro.CCM. Última modificação: 4 de janeiro de 2018 às 12:05 por Natali_CCM.
Este documento, intitulado 'Testosterona: para que serve e riscos', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.
Diarreia: remédios sem prescrição
Mioma: tipos, sintomas e tratamentos