Dor lombar: causas e tratamentos

Faça uma pergunta
As dores lombares, também conhecidas como lombalgia, são incômodos na região lombar, ou seja, na região mais baixa da coluna, próxima à bacia, e pode ter várias causas.


Tipos de dores lombares

Existem as dores lombares agudas e crônicas. A forma aguda, também conhecida como “mau jeito”, aparece subitamente e desaparece em pouco tempo. Já a crônica é mais comum entre pessoas mais velhas e pode ser permanente.

Causas das dores lombares

Geralmente, a causa desse tipo de dor é postural, porém ela também pode ser causada por inflamação, infecção, hérnia de disco, escorregamento de vértebra, artrose ou até problemas emocionais.

Sintomas de dor lombar

Para além da dor em si, o paciente pode experimentar rigidez da região lombar e dificuldade de se movimentar. Na maior parte das vezes, algumas posições provocam mais dores que outras.

Tratamentos para dor lombar

Na crise aguda de dores lombares, deve-se fazer repouso absoluto, deitado na cama. Não estão indicados tração, manipulação, RPG, kinesioterapia, alongamento e massagem. Nesse caso podem ser ingeridos analgésicos e anti-inflamatórios. O tratamento cirúrgico está indicado apenas nos 10% dos casos em que a crise não passa entre três a seis semanas.

Como prevenir as dores lombares

A correção postural é muito importante na prevenção das dores lombares, principalmente na maneira de se sentar no trabalho e na escola. Após o final da crise, a prática regular de exercícios físicos apropriados é importante. Não permanecer curvado por muito tempo, dobrar os joelhos e não a coluna ao se abaixar e evitar usar colchão mole demais ou excessivamente duro são outras recomendações.

Foto: © iMarin - Shutterstock.com
Dra. Marta Marnet

CCM Saúde é uma publicação informativa realizada por uma equipe de especialistas de saúde e redatores supervisionados pela Dra. Marta Marnet (número de registro 19741 no Colégio de Médicos de Barcelona, Espanha).

Mais informações sobre a equipe do CCM Saúde

Veja também