Demência pré-senil


Definição

a demência pré-senil é uma doença degenerativa que causa a degradação progressiva das células cerebrais. Ela afeta a memória e as funções cognitivas e se manifesta geralmente após os 60 anos, em torno dos 65 anos, mas pode afetar também pessoas mais jovens. A doença de Alzheimer é a variedade mais frequente da demência pré-senil.

Manifestações

os transtornos encontrados nas pessoas que sofrem da demência dependem do seu estágio de evolução. Na fase pré-clínica, não há geralmente nenhum sintoma objetivo: lesões de degeneração, além de depósitos de proteínas anormalmente presentes afetam o córtex cerebral, mas sem causar problemas clínicos. Essa fase dura em torno de 15 a 20 anos. Os sinais característicos da doença de Alzheimer na fase do estágio demencial são:
  • Perda de memória. O doente encontra dificuldades para se lembrar de eventos recentes no início, e depois eventos mais antigos;
  • As outras funções cognitivas são igualmente pouco a pouco afetadas, principalmente a linguagem, os gestos, os reconhecimentos, a execução de tarefas;
  • Desorientação temporo-espacial: perda de referência no tempo e no espaço. O doente se perde em lugares familiares e não consegue se situar no tempo;
  • Transtornos de comportamento: ansiedade, depressão, confusão, agressividade;
  • Alteração da linguagem;
  • Tendência à fuga e perambulação.

Diagnóstico

o diagnóstico será feito pelo médico após diferentes exames. No início, o Le Mini Mental Score" (MMS)

Veja também

Publicado por asevere. Última modificação: 16 de dezembro de 2014 às 14:48 por asevere.
Este documento, intitulado 'Demência pré-senil', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.
Demências frontais
Depressão nervosa