Contraindicações do paracetamol

Setembro 2017


O paracetamol é um medicamento pertencente à classe dos analgésicos. O remédio é indicado para tratamento sintomático de qualquer tipo de dor de intensidade moderada, como dores de pós-operatório, dores reumáticas, lombalgia, torcicolo, dor ciática, dores musculares, cólica menstrual, cefaleia e dor de dente. O paracetamol tende a fazer efeito de 30 a 60 minutos depois de sua ingestão.

Contraindicações do paracetamol

O paracetamol é contraindicado para aqueles com alergia comprovada ao medicamento. Também não devem tomá-lo quem sofre de doença grave do fígado, como cirrose e pacientes com insuficiência renal crônica. Pacientes desnutridos ou desidratados e aqueles com problemas de alcoolismo devem consultar um médico antes de fazer uso do remédio. Já gestantes e mulheres em período de lactância estão liberados obedecendo a dosagem adequada.

Dosagem do paracetamol

O paracetamol pode ser encontrado em farmácias em doses de 500, 600 ou 1.000 miligramas. A dose recomendada para um adulto varia de 500 a 1.000 miligramas por vez, podendo ser repetida a cada quatro horas. A dose máxima não deve ultrapassar 3 gramas por dia. Em certas ocasiões, quando a dor do paciente é muito intensa, esse limite pode chegar a 4 g. Nessas situações, para evitar a overdose do produto, revise os demais medicamentos utilizados, pois eles também podem conter paracetamol em sua composição.

Foto: © urbanbuzz - Shutterstock.com

Veja também

Publicado por Pedro.CCM. Última modificação: 6 de setembro de 2017 às 13:58 por Pedro.CCM.
Este documento, intitulado 'Contraindicações do paracetamol', está disponível sob a licença Creative Commons. Você pode copiar e/ou modificar o conteúdo desta página com base nas condições estipuladas pela licença. Não se esqueça de creditar o CCM Saúde (saude.ccm.net) ao utilizar este artigo.