Hemorragia digestiva baixa: o que é, sintomas e tratamento

Faça uma pergunta
A hemorragia digestiva baixa diz respeito aos sangramentos que ocorrem no sistema digestivo humano entre o íleo terminal, porção do intestino, e o ânus. Ela corresponde por 20% dos casos de hemorragias do tubo digestivo. Conheça mais sobre esta condição que pode provocar problemas graves à saúde.


Definição de hemorragia digestiva baixa

A hemorragia digestiva baixa corresponde aos sangramentos do tubo digestivo observados desde o íleo terminal até o ânus. Ela é mais frequente em pacientes idosos por conta de doenças associadas. Em cerca de 95% dos casos, a origem da hemorragia digestiva baixa é o cólon. A taxa de mortalidade desta condição varia de 2% a 4%. Sua principal diferença para a hemorragia digestiva alta é a presença de sangue de cor viva enquanto a segunda forma apresenta sangue de coloração mais escura.

Causas de hemorragia digestiva baixa

A causa mais comum da hemorragia digestiva baixa é a presença de divertículos, pequenas bolsas criadas por hérnias na mucosa, no cólon. Além disso, outros fatores podem provocar essa forma de hemorragia digestiva. São eles hemorroidas, câncer no intestino, doença de Crohn, pólipo intestinal e fissura anal.

Sintomas de hemorragia digestiva baixa

A hemorragia digestiva baixa tem como principais sintomas a presença de sangue de coloração avermelhada nas fezes, bem como a presença de sangue no interior das fezes, o que normalmente mais percebido por exames clínicos. Nos casos mais graves também podem haver quadros de tontura, suor frio e desmaio.

Diagnóstico de hemorragia digestiva baixa

O diagnóstico da hemorragia digestiva baixa é feita com a descrição da coloração das fezes pelo paciente. Após essa suspeita, o médico deve solicitar a realização de uma endoscopia ou colonoscopia para determinação das causas do problema. Caso esses exames não retornem nenhum resultado significativo, um exame de análise do ânus pode identificar hemorroidas internas que estão causando os sangramentos.

Tratamento de hemorragia digestiva baixa

O tratamento da hemorragia digestiva baixa depende da gravidade e da causa deste fenômeno. Se a hemorragia for intensa, a internação é indispensável por causa dos riscos de choque hemorrágico. Se o sangramento é potencializado por medicamento anticoagulante, o consumo deve ser interrompido imediatamente. O tratamento da causa do problema permite erradicar o sangramento. Uma cirurgia é considerada em patologias como tumores no intestino, doenças inflamatórias crônicas (doença de Crohn e retocolite hemorrágica) e colite isquêmica.

Foto: © Charnsit Ramyarupa - 123RF.com
Dra. Marta Marnet

CCM Saúde é uma publicação informativa realizada por uma equipe de especialistas de saúde e redatores supervisionados pela Dra. Marta Marnet (número de registro 19741 no Colégio de Médicos de Barcelona, Espanha).

Mais informações sobre a equipe do CCM Saúde